Grupo Fazendo História de Gaurama traz qualidade de vida para os homens

Encontros são realizados todas as sextas-feiras, a partir das 19h30, no Centro de Convivência

Imagem Destaque Grupo Fazendo História de Gaurama traz qualidade de vida para os homens
Categoria: Saúde
Data da Publicação: 22/11/2019
Data do Acontecimento: 22/11/2019

Faltam poucos dias para encerrar o mês de novembro e, a mídia toda enfatiza a importância de cuidar e preservar a saúde do homem. Gaurama possui um projeto pioneiro nesse sentido que é o Grupo Fazendo História.

O grupo é um coral formado apenas por homens. Hoje conta com 20 integrantes  e faz parte de uma oficina terapêutica em saúde mental. O sucesso do projeto é tão grande que já tem fila de espera para montar uma nova turma. “Existem estudos que comprovam que os homens não são tão cuidadosos com a saúde como as mulheres, mas nós precisávamos criar uma forma de chegar até eles e a música permite isso. Nesses últimos dois anos, atingimos uma evolução muito positiva em tudo. Falo da qualidade musical, da saúde dos integrantes uma vez que, diminuiu muito o consumo de remédios pelo grupo, aumentou a socialização, a satisfação, bem-estar e a qualidade de vida. Esse era o objetivo e estamos conseguindo atingi-lo”, explica o coordenador do projeto, regente e educador musical, Diego Savegnago .

A música colabora na constituição de vínculos e no desenvolvimento de mudanças pessoais e coletivas. A experiência da prática no Grupo comprova que, os impactos são positivos, pois estão associados ao bem-estar, recordações e melhora das relações sociais. “A música promove a expressão de emoções e percepção da realidade e a sua utilização no contexto terapêutico favorece o equilíbrio interno e facilita espaços de trocas. Essa parceria que temos com a Secretaria Municipal de Saúde favorece e muito o trabalho voltado à prevenção de doenças como a depressão, por exemplo”, ressalta o coordenador.

As reuniões do grupo são realizadas todas as sextas-feiras, no entro de Convivência. Das 17h30 às 18h30, é o momento dos instrumentos. No grupo temos pessoas que tocam e outros que querem aprender a tocar algum instrumento, e esse é o momento em que a dedicação está voltado à essa prática. Às 19h30 inicia então a técnica vocal com os integrantes.

“A prevenção de doenças é o foco da nossa gestão e estamos desenvolvendo projetos para atender as demandas da sociedade gauramense. A cultura musical está presente em nossos dias e os resultados desta oficina terapêutica nos mostra que estamos atingindo o nosso objetivo”, diz o prefeito Leandro Márcio Puton.

Os participantes são encaminhados pela Secretaria de Saúde. A atividade é gratuita e todos os homens que possuem interesse podem estar participando. “Nas sextas, quando tem os encontros as famílias acompanham. Enquanto os homens cantam repertórios feitos por eles mesmos, as suas esposas levam chimarrão, pipoca e interagem umas com as outras. Nossos ensaios se tornaram encontro de amigos e muito agradável, por sinal”, finaliza Diego.

Imagens: arquivo do Grupo Fazendo História
Texto: Assessoria de Comunicação

    Imagens da Notícia

  • Ver imagem
  • Ver imagem
  • Ver imagem